Logo Elsevier

EsteéoconteúdodoPacientEngagement

O que acontece quando o paciente vai para casa?

Saiba mais sobre nossos produtos de Patient Engagement agora! Transforme seus pacientes em participantes ativos em seus cuidados de saúde, dando a eles acesso fácil às mesmas informações baseadas em evidências em que você confia - mas fornecidas em um formato fácil de entender.

Jan.17.2020
 Cough, Pediatric

Tosse, pediátrica

Cough, Pediatric

A tosse é um reflexo que limpa a garganta e vias aéreas da criança (sistema respiratório). Tossir ajuda a cicatrizar e proteger os pulmões da criança. É normal seu filho tossir ocasionalmente, mas uma tosse que aparece junto com outros sintomas ou que dura um longo período pode ser um sinal de um quadro clínico que precisa de tratamento. Uma tosse aguda pode durar apenas 2–3 semanas, enquanto uma tosse crônica pode durar mais de 8 semanas.
A tosse é comumente causada por:
  • Infecção do sistema respiratóriopor vírus ou bactérias.
  • Inalação de substâncias que irritam os pulmões.
  • Alergias.
  • Asma.
  • Muco no fundo da garganta (gotejamento pós-nasal).
  • Ácido retornando do estômago para o esôfago (refluxo gastroesofágico).
  • Certos medicamentos.

Siga essas instruções em casa:

Medicamentos

  • Dê medicamentos vendidos com ou sem receita médica somente como indicado pelo médico da criança.
  • Não dê medicamentos para interromper a tosse da criança (supressores da tosse) a menos que seu médico oriente. Na maioria dos casos, não devem ser dados medicamentos para a tosse para crianças menores de 6 anos de idade.
  • Não dê mel ou produtos para tosse à base de mel para crianças menores de 1 ano de idade devido ao risco de botulismo. No caso de crianças maiores de 1 ano de idade, o mel pode ajudar a diminuir a tosse.
  • Devido à associação com a síndrome de Reye, não dê aspirina à criança.

Estilo de vida

  • Mantenha a criança longe da fumaça de cigarro (fumo passivo).
  • Faça a criança beber bastante líquido de maneira a manter a urina na coloração amarelo-pálida.
  • Evite dar bebidas com cafeína à criança.

Instruções gerais

  • Se a tosse piorar à noite, crianças maiores podem tentar dormir em uma posição semiereta. No caso de bebês com menos de 1 ano de idade:
    • Não deixe travesseiros, calços, protetores ou outros itens soltos no berço.
    • Siga as instruções do médico da criança sobre sono seguro para bebês e crianças.
  • Preste bastante atenção a alterações na tosse da criança. Informe o médico da criança sobre essas alterações.
  • Oriente a criança a cobrir a boca sempre que tossir.
  • Deixe a criança longe de coisas que a fazem tossir, como fumaça de fogueira ou de cigarro.
  • Se o ar estiver seco, use um vaporizador frio ou umidificador no quarto da criança ou em sua casa para ajudar a soltar as secreções. Dar um banho quente na criança antes dela ir para a cama também pode ajudar.
  • Faça a criança repousar pelo tempo necessário.
  • Compareça a todas as consultas de acompanhamento de acordo com as orientações do médico da criança. Isso é importante.

Entre em contato com um médico se a criança:

  • Manifestar uma tosse ladrante, respiração sibilante ou um barulho rouco ao inspirar e expirar (estridor).
  • Apresentar novos sintomas.
  • Tiver uma tosse que fica cada vez pior.
  • Acordar à noite por causa da tosse.
  • Continuar apresentando tosse depois de 2 semanas.
  • Vomitar com a tosse.
  • Tiver febre que passa, mas retorna após 24 horas.
  • Tiver febre que continua a piorar após 3 dias.
  • Começar a suar à noite.
  • Tiver perda de peso inexplicada.

Busque ajuda imediatamente se a criança:

  • Sentir falta de ar.
  • Ficar com lábios azulados ou descoloridos.
  • Tossir sangue.
  • Puder ter engasgado com um objeto.
  • Reclamar de dor no peito ou dor no abdome ao respirar ou tossir.
  • Parecer confusa ou muito cansada (letárgica).
  • Tiver menos de 3 meses de idade e apresentar febre de 100,4 °F (38 °C) ou mais.
Esses sintomas podem representar um problema sério e ser uma emergência. Não espere para ver se os sintomas desaparecem. Procure um médico imediatamente. Ligue para o número de emergência local (911, nos EUA). Não deixe a criança ir por conta própria até o hospital.

Resumo

  • A tosse é um reflexo que limpa a garganta e vias aéreas da criança. É normal tossir ocasionalmente, mas uma tosse que aparece junto com outros sintomas ou que dura um longo período pode ser um sinal de um quadro clínico que precisa de tratamento.
  • Dê medicamentos somente conforme as orientações do médico da criança.
  • Devido à associação com a síndrome de Reye, não dê aspirina à criança. Não dê mel ou produtos para tosse à base de mel para crianças menores de 1 ano de idade devido ao risco de botulismo.
  • Entre em contato com um médico se a criança tiver novos sintomas ou se tiver uma tosse que não melhora ou que está piorando.

Estas informações não se destinam a substituir as recomendações de seu médico. Não deixe de discutir quaisquer dúvidas com seu médico.

;